» Home
» Busca (notícias)
10/08/2010 - Argumentos

Diretor da SEP, Comte. Luis Fernando Resano, faz apresentação sobre Porto Sem Papel no Syndarma

No último dia 02 de agosto, o Comte. Luiz Resano, Diretor do Departamento de Sistema de Informações Portuárias da Secretaria Especial de Portos, fez uma apresentação para diretores e associados do Syndarma, sobre Porto sem Papel.

Coordenador e entusiasta do projeto, o Comte. Resano apresentou o andamento do Porto sem Papel, destacando a real necessidade de sua implementação e as vantagens que oferece. “São muitos os benefícios do Projeto Porto sem papel. As anuências sairão mais rapidamente, teremos previsibilidade das regras, confiabilidade das informações, maior transparência, racionalidade na aplicação dos recursos e redução de custos. Hoje são exigidos 112 documentos para a liberação de um navio. Não é possível ser competitivo e mudar a matriz de transporte no Brasil desta forma”, explica o comandante. A proposta é que se adote o que ele chama de Carga Inteligente ou Cadeia Logística Inteligente, o que inclui a concentração de dados portuários, inteligência portuária, gestão de tráfego de navios e um sistema de avaliação de desempenho.

Com o Concentrador de Dados Portuários, as informações serão prestadas uma única vez, através da Janela Única Portuária, armazenadas em uma única base de dados e que serão disponibilizadas aos órgãos intervenientes que as processarão em seus próprios sistemas. Estes, por sua vez, informarão as autorizações e liberações de navios e a movimentação de mercadorias pelo mesmo e único canal de movimentação dessas informações, no Portal de Informações Portuárias.

Segundo o Comandante Resano, para dar início ao processo foi criado um formulário, que inclui as demandas de informações das seis autoridades que estão participando do projeto (Marinha, Anvisa, Ministério da Agricultura, Polícia Federal, Receita Federal e Autoridade Portuária). Neste formulário, único e virtual, são solicitadas 830 diferentes informações que, segundo o comandante, serão, aos poucos, analisadas e confirmadas a sua real necessidade.

O Porto de Santos é o primeiro lugar onde está sendo implementado o Porto sem Papel. O prazo previsto para entrada total do projeto em funcionamento é abril de 2011. Neste momento o projeto está em fase de treinamento para descobrir duplicidades e possíveis problemas.

Após a apresentação sobre Porto sem Papel, os participantes puderam tirar dúvidas e oferecer sugestões.





Para conhecer a apresentação, clique aqui.

 



Copyright © Syndarma, 2010.

 

Rua Visconde de Inhaúma, 134 - Grupo 1005 • Centro - Rio de Janeiro - RJ • Brasil - CEP: 20091-901 • Tel: (21) 3232.5600 • Fax: (21) 3232.5619 • e-mail: syndarma@syndarma.org.br

Produzido por Themaz Comunicação.